O melhor livro

É interessante como toda pessoa que tem o costume de ler tem seus melhores livros na ponta da língua. É quase como as beatas, que tem suas orações preferidas que já saem mal pegando no rosário. Uma comparação um tanto estranha, é verdade, mas não dá para negar que o ato de ler acaba se tornando um ritual para muitas pessoas. Para mim, por exemplo, ler se trata de me acomodar em algum lugar, colocar as pernas para cima e me esquecer de tudo e de todos ao primeiro sinal de uma letra na página. Meu lugar preferido é o sofá, embora ultimamente tenha colocado a cadeira de fios na varanda para fazer um poco de companhia ao Thor (meu bebê rottweiller de quase dois anos… uma flor de cachorro, precisam conhecer. O único problema é que ele é quase uma urtiga, mas o amo mesmo assim.)

Thor me acompanhando na leitura de Martin

Estou com a rotina de um jeito que não me oferecia há um bom tempo. Não sou muito fã de deixar as coisas boas de lado para me concentrar nas obrigações (me acuse do que for sobre isso, com certeza será verdade). Me acomodo muito facilmente e tudo está bom, desde que não esteja me desagradando. Ainda assim, mesmo não sendo muito fã, fui obrigada a ouvir aquela vozinha que insiste em gritar para que os pés voltem a andar e subir os devidos degraus. E vejo que está dando certo, pois há um bom tempo não vinha aqui escrever, nem mesmo um comentário sobre algum livro – os quais só voltaram às minhas mãos um tempo atrás. Sem tempo – afinal, livro é uma das coisas boas. E o que mais me surpreende é que estou gostando dessa nova rotina.

Explicações à parte, devo dizer que o que me fez voltar a escrever neste blog foi um acontecimento no Facebook. Como eu disse, as pessoas que leem sempre tem seus livros preferidos na ponta da língua para indicá-los (ou, no caso da internet, na ponta dos dedos). Há um grupo que faço parte que um membro pediu para lhe indicarem livros, pois está começando a ler agora. O mais curioso é que alguns já lançaram Senhor dos Anéis para a pessoa ler. Aí pensei: como assim, Senhor dos Anéis? É para desanimar a criatura logo de cara!

Longe de mim querer fazer uma crítica a um grande escritor. Mas quem leu Tolkien não deve esquecer o lenga-lenga narrativo só porque a criação do mundo fantástico, seu enredo, é de tirar o chapéu e estender o tapete. O mesmo é com Martin. Estou terminando (última centena de páginas é terminar, pelas minhas contas..Hehe) “A fúria dos reis” e ali há tantas passagens que me lembram um pouco Tolkien, e até Stephen King em sua influência tolkieniana (“O Talismã” é uma delas). Um mundo de descrições que faz o leitor, ou ter os olhos brilhando, ou sentir-se tentado em pular algumas palavras. Uma faca de dois gumes, na verdade.

O melhor livro a se indicar, para mim, é o que o leitor quer. Se uma pessoa começou a ler agora, o ideal são livros de no máximo duzentas páginas do tema que lhe aprouver. Seja romance Spark, seja literatura fantástica Rowling, seja aventuras Bandeira ou Flanagan. Stephen King? Indicaria Zona Morta – foi o que me apresentou King de maneira objetiva e sem delongas.

Para mim, o melhor livro – aquele que eu levaria se o apocalipse zumbi estourasse agora – é Harry Potter as Relíquias da Morte. Ali tem tudo o que eu aprecio em uma boa literatura juvenil-adulta. Tem essa passagem forçada e até cruel, considerando o histórico do personagem, da infância para a fase adulta, que todos nós um dia passamos ou passaremos. Tem a lealdade que todos priorizam, embora poucos consigam realmente trabalhar como qualidade e não obrigação. Tem o romance de maneira simples ou não, desejado ou não. E tem a morte tratada de uma maneira tal que você se pega pensando: e se fosse comigo?

Pois para mim esse é o melhor livro. Aquele que faz você se questionar, se colocar no lugar do personagem e, com isso, crescer junto com ele.

Cada livro é um aprendizado. Mas o melhor livro… Ah, o melhor livro. Ele será um eterno e querido mestre. E é este tipo livro que eu sempre indicarei.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s